Domingo , 16 Dezembro 2018
Home / Agronegócio / Epagri lança o Centro de Referência Tecnológica do Leite

Epagri lança o Centro de Referência Tecnológica do Leite

Projeto em parceria com o Ministério da Agricultura abrirá espaço para o pequeno produtor rural

Foi iniciada nesta manhã a programação de lançamento do Centro de Referência Tecnológica do Leite, projeto idealizado pela Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina em parceria com o Ministério da Agricultura e Pesca. Estão presentes na ocasião o secretário da agricultura e pesca, Airton Spies, o presidente da Epagri, Luiz Ademir Hessmann, e o engenheiro agrônomo, Humberto Bicca, que será responsável pelo centro. A abertura do evento aconteceu as 9h, mas o ato oficial de lançamento será às 11h30.

Presidente da instituição Luiz Ademir Hessmann

Esse projeto nasceu há mais de 10 anos e a entidade vem trabalhando com a produção do leite a base de pastagem com sistema produtivo para que qualquer produtor possa se apropriar da tecnologia que requer pouco investimento, mas que gera grandes resultados com produtividade e rentabilidade. Só este ano mais de 250 vagas de capacitação foram preenchidas e isso já traz um retorno para a agricultura familiar catarinense. Estiveram presentes na ocasião o ministro da agricultura, Airton Spies, o presidente da Epagri, Luiz Ademir Hessmann, e o engenheiro agrônomo, Humberto Bicca, que será responsável pelo centro.

O projeto dá a Campos Novos mais visibilidade, além de ser considerado o celeiro de Santa Catarina, por ser o maior produtor de grãos do estado, o município também será uma referência em produção de leite. “Ao longo desses anos sempre quisemos criar em Santa Catarina uma unidade de referência de leite para o sul do Brasil. Fizemos uma tratativa com o Ministério da Agricultura e começamos a desenvolver, desde 2016, os primeiros passos para a efetivação desse centro. Esse será um centro de referência para tudo de melhor que se tenha no mundo, desde equipamentos, sistema de pastagem, metodologias e extensão rural. Temos parcerias com as prefeituras municipais e universidades, é um projeto promissor”, comentou o presidente Hessmann.

O engenheiro agrônomo, Humberto, relatou que a implantação do centro de referência dará oportunidade para que os pequenos agricultores aumentem sua rentabilidade e produtividade. E ainda serão finalizadas mais instalações. “Estamos implantando desde o ano passado esse centro na estação experimental de Campos Novos, mas ainda estamos em fase inicial e pretendemos concluir esse trabalho em 2019. Temos recursos previstos para reforma e também para futuras instalações”, afirma.

O secretário de agricultura, Airton Spies está positivo quanto as possibilidades que s apresentam com a criação do centro de referência. “A bovino cultura de leite é a atividade que mais cresce em Santa Catarina e está precisando de uma unidade que gere tecnologia para a realidade do nosso clima, do nosso solo e do tipo de propriedade existente na região. A instalação desse centro presta um grande serviço para modernizar ainda mais a nossa bovinocultura de leite. É uma atividade que já envolve 48 mil famílias de produtores rurais e que tem um grande potencial de expansão em função das possibilidades de exportação”, dissertou.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *