Terça-feira , 17 Setembro 2019
Home / Agronegócio / Bonificação de Sementes Copercampos distribui R$ 7,2 milhões

Bonificação de Sementes Copercampos distribui R$ 7,2 milhões

Produtores estiveram reunidos para jantar de confraternização e avaliação dos resultados da safra 2017/18.

Os associados multiplicadores de sementes Copercampos podem ser considerados a Elite dos produtores de soja na região. Este grupo, formado por mais de 300 agricultores multiplica novas variedades de sementes de soja que são cultivadas em diferentes regiões do país e também do exterior.

Além da renda extra com a atividade, já que a produção sementeira, após a criação do Programa de Bonificação de Sementes distribui entre 10 a 20% a mais de receita liquida por cada saca de soja produzida, o associado da Copercampos está a frente dos demais produtores na utilização das novas tecnologias existentes em sementes.

Durante a realização do jantar de confraternização entre os multiplicadores de Sementes Copercampos, realizado na noite de quinta-feira, 13 de dezembro, no Salão Paroquial de Campos Novos, o Diretor Executivo Laerte Izaias Thibes Júnior enalteceu o trabalho desenvolvido pelos associados.

Laerte apresentou os resultados obtidos na safra, mercados atendidos, com destaque para a comercialização de sementes aos países do Paraguai e Uruguai, este último com um grande volume de sementes vendidas, além da grande atuação nos mercados do Paraná e Mato Grosso do Sul. Neste ano, o Programa de Bonificação de Sementes distribuiu R$ 7,2 milhões aos 337 produtores.

“Contamos no evento com a elite de produtores da Copercampos e ressaltamos os grandes resultados obtidos nesta safra. A Copercampos é a maior cooperativa produtora de sementes do Brasil, com uma qualidade diferenciada de sementes de soja. O grande diferencial na produção, é que os produtores multiplicadores estão há cinco anos na frente dos demais por utilizar os novos materiais que as obtentoras estarão comercializando. Trabalhamos com as mais importantes empresas de sementes do país, e toda a tecnologia existente em sementes é multiplicada em nossos campos. Além disso, reconhecemos o trabalho do associado e distribuímos essa gratificação que neste ano ficou em 14% em média acima da valorização da soja para consumo. O Funrural para produtores de sementes também é menor e o associado que produz sementes na Copercampos tem essa semente para plantio na próxima safra, reduzindo custos de produção e incrementar a sua produtividade por semear um produto com alta tecnologia e resistência a doenças, por exemplo”, ressaltou Laerte.

A Copercampos produz a cada safra, mais de 1,5 milhões de sacos de sementes de soja/40kg. Com seis Unidades de Beneficiamento de Sementes – UBS’s, a cooperativa conta com unidades modernas e eficientes. A cooperativa está construindo mais uma unidade em Campos Novos, 100% automatizada e que terá capacidade para beneficiar 700 sacos/hora, operando 24h por dia, com apenas quatro profissionais por turno.

O Diretor Presidente Luiz Carlos Chiocca, em sua fala, ressaltou que os investimentos proporcionam a sustentabilidade na produção sementeira na cooperativa. “Estamos investindo para continuar a crescer nesta atividade que desde 1976 é desenvolvida na cooperativa. Com esta nova UBS vamos atender o mercado com maior agilidade e qualidade, pois esta será uma unidade moderna, toda automatizada e com equipamentos de ponta. Ressaltamos aos nossos associados esteve investimento, porque só é possível crescer com o trabalho coletivo e na Copercampos demonstramos a união dos associados em desenvolver a cooperativa e a economia regional. Agradecemos aos multiplicadores de sementes por contribuir com a sustentabilidade da cooperativa e pela fidelidade em transformar a agricultura de nossa região. Temos muitos projetos para os próximos anos, e as inovações estão cada vez maiores, o campo produz mais e melhor, então, precisamos como cooperativa, estar na vanguarda deste crescimento”, destacou Chiocca.

As expectativas do mercado de grãos

Neste ano, o jantar de Bonificação contou com palestra com o tema “Perspectiva e cenário para o mercado de grãos”, com o Eng. Agrônomo Leonardo Sologuren.

Na oportunidade, Leonardo ressaltou a confiança dos produtores rurais com o novo governo, o que possibilitará investimentos no agronegócio.

O palestrante ressaltou as movimentações econômicas existentes, especialmente quanto a volatilidade econômica do país e o cenário geopolítico que está influenciando os preços da soja e milho no mercado internacional. “Se compararmos com o mesmo período do ano passado, temos ainda bons preços da soja e milho. A taxa de câmbio interferiu no custo de produção e para compensar esse aumento, o produtor deve produzir mais. Não temos um preço elevado, mas estamos com preços médios para soja e milho. O que vemos é um ânimo do setor produtivo, uma confiança em investir mais com a chegada do novo governo, então, essa esperança pode se traduzir em um futuro promissor, porque toda confiança traz investimentos”, explanou Leonardo.

*Informações: Comunicação/Copercampos

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *