Quarta-feira , 22 Maio 2019
Home / Cotidiano / Jornal O Celeiro ampliou atuação em ações sociais

Jornal O Celeiro ampliou atuação em ações sociais

Matérias e reportagens com cunho social terão o selo “Celeiro Solidário”

O jornal “O Celeiro”, desde sua fundação em 1992, vem atuando de forma presente na divulgação de ações sociais promovidas pelas entidades, além de patrocinar alguns eventos que acontecem na região como forma de incentivo e apoio aos mais necessitados.

Em 2018 o veículo de comunicação impresso ampliou ainda mais estas ações, citados exemplos como a divulgação de editais de assembleia e eleições de diretoria sem custo para o AMA (Associação de Pais e Amigos dos Autistas) e Acadav (Associação Camponovense de Apoio aos Deficientes Auditivos e Visuais), além disso o jornal também atuou no patrocínio de eventos e campanhas além de setores específicos como o apoio ao esporte camponovense retratando ações da Associação de Judô, Times de futebol de Campo, atletismo e outros.

Dentre as ações realizadas pelo jornal também foram feitas divulgações através de reportagens de eventos, campanhas e ações sociais envolvendo a Polícia Civil, Militar, Corpo de Bombeiros, Rotary, Lions, Leo Clube, Proerd, Promotoria de Justiça, Ministério Público, Acircan, CDL, Associações de Moradores, Apae, Fundação Cultural Camponovense, Aprovida, OAB Campos Novos entre outros. Nas imagens acima você confere as principais ações feitas.

Vendo a necessidade de ampliar suas ações em prol da comunidade, o jornal “O Celeiro” irá marcar todas as reportagens e matérias envolvendo o bem ao próximo com o selo “O Celeiro Solidário”. A atitude idealizada pelo proprietário do jornal, Wilhiam R. Peretti, é demonstrar seu compromisso, posicionamento e apoio as entidades e pessoas que mais precisam de apoio, seja na forma de divulgação ou auxilio pecuniário. Mais do que parcerias profissionais e publicitárias, o veiculo tem a responsabilidade de estar do lado da comunidade. “Nosso veículo de comunicação tem como objetivo levar informações de interesse público de forma imparcial e dar voz as pessoas da comunidade. Somos seus porta-vozes. E sabemos que as questões sociais são de suma importância para o desenvolvimento do município e significativos para essas pessoas”, afirmou.

O presidente da Associação de Pais e Amigos dos Autistas (AMA) de Campos Novos, Claudemir Durli agradece e afirma a importância do espaço cedido pelo jornal em divulgar as ações da entidade. “A AMA precisa dos meios de comunicação. Se a gente consegue um troféu de responsabilidade social é porque temos este espaço para publicar o que fazemos. A entidade é transparente, tudo que acontece aqui a sociedade precisa ficar sabendo, pois, a AMA sobrevive em função da sociedade e dos recursos do contribuinte e temos que divulgar nosso trabalho, e é a imprensa que nos auxilia por abrir este espaço”, declara.

A diretora da entidade, Vera Ottoneli Durli, também reitera as palavras do presidente, em destacar a importância do meio de comunicação como meio de divulgar e registrar as realizações da AMA. “O jornal O Celeiro é uma peça fundamental para nossa instituição, ele gratuitamente oferece o espaço para que possamos apresentar nossas ações. Ele é nosso parceiro nas campanhas que realizamos, sempre abraça nossas causas. O Jornal tem uma demanda grande de leitores ele chega a pessoas que a instituição não chegaria e conseguimos atingir metas e finalidade que o jornal nos proporciona”, afirma. A AMA coleciona selos de reconhecimento pelo seu excelente trabalho feito as pessoas com espectro autista, mas para conquistar esses títulos, uma das exigências é o recorte de matérias, para tanto Vera tem um livro com o registro dos trabalhos da AMA desde seu início em Campos Novos, e parte dessas publicações são do jornal O Celeiro, que esteve e sempre estará aberto para dar espaço a entidade. A AMA conta com uma página no Portal Transparência que estão disponíveis as matérias que saem na mídia.

O jornal O Celeiro reafirma seu compromisso com o terceiro setor e demais entidades que possam contribuir com o bem da comunidade e está de portas abertas para dar apoio e espaço para divulgar as ações que são significativas para a sociedade. Interessados podem comparecer a sede na rua: Coronel Farrapo, 743 (Ao lado da Auto Escola Sinal Livre), ou entrar em contato pelo Whatts App: 9 8817.3828.

*Reportagem publicada no jornal “O Celeiro”, Edição 1568 de 07 de março de 2019.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *