Quarta-feira , 18 Setembro 2019
Home / Agronegócio / Agricultores de Abdon Batista são capacitados em viticultura

Agricultores de Abdon Batista são capacitados em viticultura

Epagri disponibiliza extensionistas para levar mais conhecimento para os produtores

Um dia de campo sobre cultivo de uva ralizado pela Epagri em Abdon Batista reuniu agricultores e técnicos para aprender sobre nutrição, tratos culturais e manejo da videira. O evento foi realizado no dia 21 de agosto na propriedade de Jacó Petri, em Linha Santa Terezinha, que cultiva uva há vários anos. Os participantes puderam aprender sobre a nutrição e adubação da videira, manejo, tratos culturais e poda. “Cumprimos o objetivo de despertar nos agricultores o interesse em manejar adequadamente os seus vinhedos”, conta Adelino Cristiano Paulo, extensionista da Epagri no município, e organizador da capacitação. Na ocasião as famílias rurais foram incentivadas a refletir sobre a atividade e despertaram o interesse em adequar o processo produtivo.

Participaram do evento cerca de 19 jovens agricultores e as palestras abordaram os temas Nutrição e Adubação da Videira, ministrada pelo instrutor Eduardo Zago, Tratos Culturais e Poda da Videira, ministrada pelos instrutores Adelino Cristiano Paulo e Eduardo Zago, e Manejo e Resultados da Propriedade, ministrada pelo instrutor, Adelino Cristiano Paulo. A próxima etapa do trabalho é apoiar os agricultores na implantação, na renovação e no manejo de seus vinhedos. Os profissionais se colocaram a disposição para esclarecer dúvidas e ajudar todos os presentes.

A metodologia de extensão utilizada foi dia de campo contando com três estações. Em cada estação um ou mais instrutores apresentou um respectivo tema. Os participantes dialogaram diretamente com o instrutor e também visualizaram os assuntos técnicos, presentes no vinhedo, na prática. O evento cumpriu com as expectativas, visto que o público presente pôde visualizar na prática as questões técnicas apresentadas, já que há vários anos ocorre o cultivo de uva na propriedade onde foi realizado o dia de campo, gerando discussão sobre o assunto e sensibilizando os agricultores em torno do tema gerador “viticultura” na região meio oeste catarinense. A ação também leva reflexão de como a atividade vem sendo praticada, ao mesmo tempo em que desperta em alguns a necessidade de adequar os processos produtivos.

*Reportagem publicada no jornal “O Celeiro”, edição 1594 de 05 de setembro de 2019.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *