Sexta-feira , 15 Novembro 2019
Home / Opinião / Colunistas / Como devo alimentar meu gato?

Como devo alimentar meu gato?

Alexandra Niec

Você tem dúvidas de como deve ser a alimentação para gatos? Tenha calma, pois se trata de uma insegurança comum entre a maioria dos tutores. Na verdade, a alimentação do felino é diferente daquela oferecida ao cão em muitos aspectos. Difere quanto à palatabilidade, às necessidades nutricionais, à frequência diária, entre outros.

Basicamente, você deve oferecer refeições nutritivas ao seu felino e que não provoquem nenhum risco à sua saúde. Alguns animais têm propensões a determinadas doenças, como alergias, problemas renais e obesidade. Por isso, mantê-los saudáveis vai depender, e muito, do que você oferece a eles em termos de nutrição.

Para comprar a ração ideal, você deve considerar as características de seu gato. A primeira coisa a ser verificada é a idade do felino e se ele é castrado ou não. Quanto à textura da ração, você tem duas opções: a seca e a úmida. Confira as características de cada uma delas e quais seus benefícios para a nutrição do gato.

O ideal é que o veterinário de seu bichinho indique uma ração com menos sódio, corantes e conservantes possíveis. Isso certamente contribuirá para a saúde de seu pet. Vale lembrar que nem sempre a que seu gato mais gosta é a melhor. Existem fabricantes que, para atrair mais consumidores, buscam aumentar a palatabilidade do felino, adicionando muito sódio à composição da ração, o que pode comprometer seriamente sua saúde.

Uma das vantagens da ração seca e praticidade, a ração seca contribui para a limpeza dos dentes do gato que, por sua textura mais rígida, ajuda na retirada de detritos, evitando a formação de tártaro e da placa bacteriana.

Ração úmida além de ser balanceada, não contém aroma e corantes artificias. É considerada a mais completa e saudável para o felino. Em sua composição há menos adição de sódio conservantes e, o melhor, há um teor de cerca de 80% de água,componente que ajuda a prevenir doenças do trato urinário, muito comum em gatos.Vale ressaltar que o consumo de bastante de água é essencial para manter a saúde de seu pet. Além disso, os alimentos úmidos possuem muito menos calorias, o que permite uma maior ingestão de alimento e a consequente saciedade. Mas fique atento, pois nem todas as rações úmidas têm o equivalente nutricional ao de uma ração seca. Por isso, ao escolher a ração úmida como refeição, deve-se verificar no rótulo do alimento a seguinte indicação, alimento 100% completo e balanceado.

Como os gatos fazem muitas refeições diariamente, cerca de 8 a 12, dependendo do gato, orienta-se que seu comedouro se mantenha sempre com uma pequena quantidade de ração seca. Esta, diferentemente da úmida, não estraga. Evite, porém, encher seu comedouro.

Como fazer seu gato beber mais água? 1. Adicione água à ração úmida. Alguns gatos adoram beber como sopa; 2.Adquira fontes (eles amam beber água corrente); 3. Distribua potes de água em vários cômodos da casa.

Por: Alexandra Niec
Médica Vetetinária – CRMV/SC 5056
Veterinária da Clínica Bicho Mania

*Coluna ‘Cuidado com Pets’, publicada no Jornal “O Celeiro”, Edição 1603 de 07 de Novembro de 2018.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *